Jornal do Tempo | Notícias

Calor ganha força em São Paulo no fim de semana, com possibilidade de recordes de maior temperatura da história

Vai chover no fim de tarde, com vendaval e trovoadas, mas o volume de chuva será baixo

17/10/2014 07:27:00

Por: Aline Cardoso

Calor ganha força em São Paulo no fim de semana, com possibilidade de recordes de maior temperatura da história
A sexta-feira amanheceu com bastante nuvens no céu e garoa em alguns pontos da região metropolitana de São Paulo, isso acontece por conta da umidade que vem do mar. Mas a umidade logo vai embora e o sol predomina na capital. O dia já amanhece abafado, com 19°C, mas teremos uma tarde bastante quente, com máxima de 35°C na cidade de São Paulo, segundo a previsão da Somar Meteorologia.

Hoje, a umidade oscila em torno dos 25% em toda a Grande São Paulo e coloca a cidade em Estado de atenção. Além disso, os ventos ficam fracos durante boa parte do dia, o que desfavorece a dispersão dos poluentes. A dica é hidratação, usar soro fisiológico nas narinas e olhos e evitar exercícios físicos das 10h às 15h.

[*BCalorão no fim de semana: teremos recordes de temperatura no Estado de São Paulo, inclusive na capitalB*]

   O fim de semana será muito quente, mas também com pancadas de chuva de fim de tarde na capital, interior e litoral. “Teremos recorde de temperatura máxima sobre o território paulista, podemos marcar a maior temperatura absoluta da historia da cidade de São Paulo", afirma o meteorologista da Somar, Celso Oliveira. Os termômetros podem chegar aos 37°C no domingo e alcançar a maior máxima registrada desde o início das medições em São Paulo. Vale lembrar que o recorde absoluto é de 37°C observada em janeiro de 1999. A estação começou a registrar informações em 1945.

Estas pancadas de chuva de fim de tarde no sábado e no domingo serão perigosas. Até pode chover forte, mas será de baixo volume acumulado. Segundo os meteorologistas da Somar, os destaques ficarão por conta dos vendavais e da grande quantidade de descargas elétricas. Além disso, algumas simulações indicam potencial para granizo.


Últimas notícias

Buscar notícias